Os pais perdem 44 dias de sono no primeiro ano do bebê

Tempo de leitura: 1 minuto

LONDRES – pais perdem 44 dias de sono no primeiro ano do bebê. Amamentação, choro e acordar com preocupação foram os três principais motivos da perda de sono citados em uma pesquisa britânica, além de insônia e acúmulo de tarefas. Pelas contas dos pesquisadores, os pais dormem 5,1 horas por noite neste período, quase três horas a menos que o mínimo recomendado.

papais-perdem-sono-primeiro-ano-bebe-02

No estudo de hábitos de sono feito com mais de 1.800 pessoas, os casados eram perguntados sobre número de vezes que eram acordados pelo ronco dos parceiros semanalmente. Os resultados mostraram que isso acontece, em média, mais de duas vezes por semana, um total de 109 vezes por ano.

papais-perdem-sono-primeiro-ano-bebe

Veja o ranking das preocupações que faz com que a pessoa acorde durante a noite:

  • Amamentação 62%
  • Choro do babê 57%
  • Preocupação com a segurança do bebê 45%
  • Insônia ou problemas para dormir 34%
  • Momento de sono do bebê, usado para fazer outras tarefas 27

papais-perdem-sono-primeiro-ano-bebe-03

Espero que esses insights sobre porque os pais perdem 44 dias de sono no primeiro ano do bebê ajudem vocês a se preparar para esse período delicioso da paternidade e maternidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *